O que faz um médico tisiologista?

Tempo de leitura: 6 minutos

Você já ouviu falar de tisiologia? A tisiologia é mais conhecida pelo ramo da medicina que trata da tuberculose, uma doença infecciosa que parece notícia antiga, mas ainda afeta grande parte da população do país.

Por isso tem se tornado cada vez mais relevante saber o que faz um médico tisiologista, porque, apesar da concepção errônea de que a doença já foi erradicada do país, ainda precisamos – e muito! – de profissionais que se atentem à causa. Afinal de contas, a tuberculose é uma doença curável.

O que faz um médico tisiologista?

O médico tisiologista está responsabilizado por identificar casos de tuberculose, e orientar seu paciente a seguir o tratamento que é oferecido pelo Sistema Único de Saúde. É importante que este reforce ao paciente que o tratamento deve continuar, mesmo que os sintomas desapareçam, pelo período indicado na receita.

Além disso, parte de o que faz um médico tisiologista é, também, auxiliar na campanha para auxiliar a prevenção dessa doença infecciosa, função que é ainda mais importante em períodos de epidemia ou regiões com pouco saneamento básico.

Ou seja, parte de o que faz um médico tisiologista é contribuir para a informação e prevenção da doença.

Como posso me tornar um médico tisiologista?

Assim como muitos cargos voltados à saúde pública, uma de suas opções para adentrar à carreira de médico tisiologista é por meio da iniciativa pública, se situando em hospitais, prontos-socorros ou postos de saúde públicos.

E, assim como é de praxe para a grande maioria dos cargos públicos, para adentrá-los, você deverá passar por um certame, o tão conhecido concurso público.

Concurso público para médico tisiologista

Para fazer o que faz um médico tisiologista, você precisa, primeiramente, ter um curso superior em medicina. Este é o primeiro requerimento para se inscrever em um concurso púlico para médico tisiologista.

Mais especificamente, o requerimento de curso para assumir esse cargo é ter ensino superior completo em Ciências Médicas, especialização ou residência na área de pneumologia (afinal de contas, a tuberculose é uma doença pneumunológica) e registro CREMESP, no caso de concursos em São Paulo, que são nosso foco.

Nos concursos públicos, podemos identificar diversos tipos de provas. No caso do concurso público para médico tisiologoista, a prova se caracteriza como certame objetivo, ou seja, seu objetivo é avaliar o conhecimento teórico necessário para desempenhar a função, por parte do candidato.

Esse conhecimento teórico será avaliado com base às suas respostas a 50 questões, distribuidas em 20 questões referentes à conhecimentos específicos da área de Saúde Pública, 5 questões de conhecimentos gerais, 5 questões sobre Língua Portuguesa e 20 questões voltadas a conhecimentos específicos da doença, dentre eles tratamentos, como diagnosticar, campanhas, sua origem, e até mesmo legislações referentes, se existentes.

As questões são estruturadas com um enunciado seguido de 4 alternativas, estando apenas uma correta, de maneira semelhante a um vestibular.

Selecionadas as alternativas de sua escolha, o candidato deverá preencher uma folha de resposta, e sua nota será classificada de zero a cem pontos. No caso do exame para o que faz um médico tisiologista, a conta é feita multiplicando por dois o valor de cada questão (ou seja, cada questão vale dois pontos, chegando, no final, a cem pontos).

Dependendo da época em que o concurso abrir, há vagas cotadas para aqueles que possuem deficiência ou são da raça negra, então é importante ficar de olho nos editais se este caso se aplica a você.

Além disso, é importante ressaltar que a maioria dos editais pede que o profissional que faça o que faz um médico tisiologista tenha uma boa capacidade comunicativa, uma boa audição e uma boa visão.

Além disso, o cargo também lista esforço físico e mental como “constante/ótimo” em seu edital, então é importante ter isso em mente na hora de se candidatar à vaga.

As vantagens de ser médico tigiologista concursado

Muito se fala de adentrar um cargo público por sua vantagem de estabilidade empregatícia, mas sabia que há mais vantagens?

Para a área de medicina, sabemos que os horários normais de serviço são difíceis de encontrar. Além de ter o salário de R$ 3.765,04 com horas extras sempre com garantia de remuneração e aumento previsto por bom desempenho, o médico tisiologista concursado tem o horário de trabalho de 20 horas por semana, e não precisa fazer plantão.

Isso garante uma qualidade maior de vida, até porque muitos hospitais fazem com que esse tipo de profissional faça plantões de 12 horas, sendo que, por mais que a doença tuberculose seja grave, não é necessário que seu atendimento seja 24h. Isso somente cansa o profissional.

A importância de ler o edital

Não podemos ressaltar o suficiente o quanto é importante que você, que quer fazer o que faz um médico tisiologista, leia detalhadamente o edital do concurso antes de se candidatar.

Lá, você vai encontrar todas as funções que se espera deste profissional, além de expectativas salariais, o que se espera do candidato em termos de comportamento durante a prova, o que se espera que o candidato saiba para a prova (o que pode ser um ótimo guia de como estudar, por onde começar, etc..), expectativa de remuneração, vagas com cotas, e critérios de desempate, além de quais documentos você deve levar e se sua formação acadêmica é a suficente para adentrar à vaga.

É muito importante também que se leia a descrição da profissão, para que você saiba se está concorrendo a um cargo como clínico geral especializado em tuberculose, ou alguma outra vaga que ainda assim requer essa especificação.

A tuberculose é um mal que, apesar de esquecido por alguns, ainda aflige o brasileiro, então é muito importante saber que há profissionais interessados em serem médicos tisiologistas, especialmente trabalhando pela iniciativa pública para garantir que todos tenham o acesso que precisam à saúde e à qualidade de vida.

Não se esqueça de sempre ler o edital, monte seu cronograma de estudos e siga seu sonho de se tornar um médico tisiologista. Boa sorte e boa prova!

O que faz um médico tisiologista?
Avalie esta postagem

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.