É possível estudar em casa? Saiba aqui!

Tempo de leitura: 6 minutos

Você acabou de sair da faculdade e pensa em sua carreira profissional, quer ter uma carreira que te proporcione realizações pessoais e também realizações profissionais, não é mesmo? Muitas pessoas que estão nessa mesma posição escolhem fazer concursos públicos, tanto pelos salários quanto pelos planos de carreira. A estabilidade de uma carreira pública já é conhecida por todos nós. Logo, a dedicação e estudar em casa é essencial.

O concurseiro tem que ter em mente que sem um esforço verdadeiro não conseguirá passar nos concursos pretendidos. O grande problema é que os cursos presenciais de preparação têm um valor muito alto e nem todos podem pagar. Por isso, a dedicação de estudar em casa precisa ser redobrada. Para ajudá-lo nesse momento confira a seguir algumas dicas de como estudar de forma prazerosa e realmente funcional.

Encontre o ambiente ideal

Ninguém consegue estudar em meio de um grande caos, por isso, organize o seu local de estudos. Verifique se ele tem a iluminação necessária para a grande carga de leitura que estudar para os concursos traz.

Escolha um ambiente sem distrações e com uma boa ventilação. Organize-o com tudo que necessitará para estudar como: papéis para anotações, lápis, canetas, borrachas, fichas de estudos, livros e tudo aquilo que você realmente usa nas horas de estudos.

Opte por um local sem distrações

O mais difícil de estudar em casa é achar um ambiente sem distrações, por isso, é de extrema importância conversar com seus familiares ou amigos (no caso de morar em repúblicas) para que suas horas de estudos sejam com a menor distração possível. Em um ambiente calmo e em silêncio os estudos rendem muito mais que em ambientes agitados.

Estabeleça um cronograma

Como são diversas matérias a serem estudadas, é importante um estabelecimento de um cronograma anterior ao iniciar os estudos. Uma boa hora de estudo necessita de atenção e muita leitura. Por isso, não faça de forma desorganizada e sem preestabelecer um cronograma de estudos.

Por exemplo, segunda-feira você pode estudar português e direito administrativo. Na terça-feira é dia de matemática e pensamento lógico com direito criminal. O importante é estabelecer um cronograma para não se perder em meio às matérias.

Defina horários para estudar em casa

Não adianta estudar 24 horas por dia, pois o cérebro não acompanha essa quantidade de informação. Estabeleça seus horários de estudo com pausas de 30 minutos entre eles. Por exemplo, se você estuda de 8h às 10h uma certa matéria, faça uma pausa de 30 minutos e volte a estudar das 10:30 ao meio-dia. No período da tarde mude a matéria e faça o mesmo ciclo de estudos.

Leia e releia

Ao pegar o material de estudos, faça uma leitura geral do que será estudado. Após essa leitura geral, comece a reler com maior atenção e concentração, grifando os pontos importantes e também buscando outros auxílios e fontes quando tiver alguma dúvida. Não deixe que as dúvidas se acumulem, pois ao ingressar na matéria a evolução dos estudos pode ser bloqueada se essas dúvidas ficarem para trás.

Faça sempre anotações

Após grifar as partes mais importantes do texto, vale reescrevê-las com suas palavras fazendo anotações sobre o tema. Com isso, o cérebro tem uma capacidade maior de absorção da matéria e dos pontos mais importantes que devem ser ressaltados durante os estudos. Após fazer essas anotações, leia e releia quantas vezes forem necessárias para realmente aprender.

Respeite seus limites

Não adianta ler, reler, fazer anotações, grifar textos se você não respeitar seus limites. Cada pessoa possui um limite para que aprenda com eficácia. Não passe por cima deles, pois os resultados poderão ser desastrosos. Enquanto uma pessoa consegue aprender realmente em 5 horas de estudos sem intervalos, outras conseguem esse mesmo desempenho estudando 2 horas seguidas.

Você não ficará atrás de quem tem uma capacidade maior de absorção de estudos, basta manter o foco e a concentração que as matérias serão absorvidas da mesma forma. Se desrespeitar seus limites, você ficará cansado e sem menor ânimo para aprender.

Invista em cursos on-line

Outra dica bem bacana para quem não pode se deslocar para aulas presenciais, são os cursos dados de forma on-line e com videoaulas. Os professores interagem após as aulas e tiram as dúvidas da mesma forma que um curso presencial. E ainda, são bem mais baratos que as outras modalidades de cursos.

Se você optou por estudar em casa e tem alguma dificuldade ou então quer aprender de forma realmente eficaz, vale a pena conferir os cursos on-line para concurseiros, onde as matérias são dadas seguindo os conteúdos programáticos e ainda possuem professores capacitados que te auxiliarão em sua jornada.

Pratique

Apenas na teoria o aluno realmente não conseguirá ir para frente com os estudos, então tem que praticar. Mas como? Existem provas dos concursos escolhidos dos anos anteriores que devem ser revisadas e refeitas. Existem também, provas comentadas por diversos professores do ramo de concursos que devem ser levadas em consideração.

Pratique fazendo exercícios das apostilas, dos livros, das provas anteriores e se necessário faça e refaça até conseguir entender onde está sendo o seu erro.

Descanse

Não há uma pessoa que consiga atingir seu objetivo de passar em um concurso, por mais concorrido que seja, sem horas de descanso. Este momento é de extrema importância para que a cabeça tenha uma pausa e volte absorver todo o conteúdo de forma eficaz. Não pule nunca seus momentos de descanso para ter uma aprendizagem regular e eficiente. Viver em função de estudar pode ser uma grande derrocada para os concurseiros.

Tire folga

Sim, para estudar em casa de forma organizada e eficiente, tire folga. Uma vez por semana que seja, mas tire um dia completo para fazer seus hobbies, praticar esportes, encontrar com os amigos, passear, curtir a família ou ficar de pernas para o ar. É necessário que essa folga seja feita para tomar fôlego para outra semana cheia de estudos.

Estudar em casa não é um bicho de sete cabeças como você pôde ver. Basta ter foco e determinação que os estudos serão bem prazerosos e o concurso estará no “papo”. E você gostou de nossas dicas? Tem mais alguma dica para acrescentar? Deixe o seu comentário no post nos contanto sobre a sua vida de concurseiro!

 

É possível estudar em casa? Saiba aqui!
Avalie esta postagem

Sobre Concurseiro Paulista

Sou ex-Oficial Aviador da Marinha e bacharel em Ciências Militares pela Escola Naval.Sou um dos responsáveis pelo site Concurseiro Paulista que já tem 16 anos de história. Venho nesse Blog passar toda a minha experiência, pois já consegui ser aprovado em 33 Concursos Públicos, entre eles Delegado Civil e Federal e tantos outros. A nossa missão e compromisso é ajudar você ser aprovado também.